» » » Veja 4 dicas importantes para contratar freelancers

Veja 4 dicas importantes para contratar freelancers

postado em: News | 0
veja-4-dicas-importantes-para-contratar-freelancers
Veja 4 dicas importantes para contratar freelancers

Hoje em dia a maioria dos empreendedores depende dos trabalhos de freelancers. Seja para fazer o site da empresa, criar o folder de apresentação, gerenciar a comunicação corporativa ou até mesmo para elaborar um plano comercial, entre outros trabalhos, é possível contratar profissionais freelancers. Os valores são menores do que contratar uma empresa e há muitos profissionais de qualidade no mercado.

Os freelancers preenchem a lacuna que existe na contratação de funcionários. Eles mantêm o seu negócio funcionando. Hoje em dia, muitos freelancers ocupam posições fixas em empresas, mesmo não tendo nenhum vínculo empregatício. Mas a contratação de um bom freelancer nem sempre é fácil.

Você pode passar semanas procurando pelo redator perfeito ou pelo designer ideal, apenas para vê-los recusarem sua oferta no último segundo. Como a demanda pelos trabalhos dos freelancers é alta, muitos se dão ao luxo de escolher os projetos que lhes interessam, o que às vezes deixa o empreendedor na mão. Mas é possível se prevenir contra essas situações.

Siga esses quatro passos para contratar bons freelancers que vão agregar muito mais valor ao seu negócio.

1 – Contrate especialistas

Pergunte ao candidato: “Esta função é sua especialidade?

Certifique-se de que sua prospecção tenha a experiência específica para o trabalho que você tem em mente e fuja de ‘generalistas’. Os profissionais podem exercer funções secundárias (um escritor que faz design ou um designer que redige textos), mas é importante que ele seja especialista na função principal pela qual será contratado.

Ao conversar com um candidato a freelancer, dê uma olhada no portfólio dele, acesse o blog para conhecer melhor sua experiência e veja se ele realmente é especialista no que diz ser.

2 – Contrate pessoas apaixonadas

Pergunte ao candidato: “Você está 100% apaixonado para fazer esse trabalho?

Se ele não estiver, encontre outra pessoa que esteja. Como cliente, você se beneficiará de profissionais apaixonados pelo que fazem. OS resultados serão muito melhores.

Faça um favor aos freelancers e a você mesmo contratando apenas aqueles que estiverem realmente loucos para fazer o que você precisa. Você pode até contratar freelancers menos experientes, mas com a sua orientação e a disposição deles, conseguirá o resultado que espera.

3 – Pague mais

Pergunte ao candidato: “Qual valor lhe deixará feliz para fazer esse trabalho?

A maioria dos clientes não se importa com a felicidade, que é essencial, por isso os freelancers vão se espantar se você fizer essa pergunta. Se você não puder pagar pela ‘felicidade’ dele e não conseguir uma margem para negociar, não tenha medo de procurar outro profissional.

A qualidade do trabalho e a felicidade de um freelancer são a mesma coisa.

Uma margem é tentar oferecer 70% do que ele pede, e negociar em cima disso. Se ainda assim não houver acordo, não insista. Nem você e nem o freelancer estão fazendo um serviço de caridade, portanto ambos devem ter em mente que estão falando de negócios.

4 – Negocie quando o dinheiro não for uma opção

Pergunte ao candidato: “Se dinheiro não é uma opção, o que te deixaria feliz?

Os freelancers felizes com o pagamento fazem um ótimo trabalho. Mas só porque ele está além do seu orçamento, não significa que você não consiga contratá-lo.

Negocie alguns benefícios. Procure compensações criativas que possam interessá-lo.

Considere descontos nos produtos e serviços que você oferece (caso o que você venda interesse ao freelancer). Isso nem sempre pode funcionar, mas às vezes vocês dois podem chegar a um bom acordo.

Se você quer ter mais sucesso para encontrar bons freelancers, siga esses quatro passos no processo de contratação.